sexta-feira, 29 de julho de 2016

Violência dispara no Rio

© Foto: Sebastian Kahnert/EFE
Um relatório do Instituto de Segurança Pública do Rio (ISP) divulgado nesta sexta-feira, 29, mostra aumentos de até 80% em indicadores de violência no Estado em junho passado, em comparação com o mesmo mês de 2015.
Menos de dois meses antes da Olimpíada, os roubos a pedestres no Estado do Rio de Janeiro aumentaram 81,2% no mês passado. Foram 8.011 casos registrados, em média 267 roubos por dia. Em junho de 2015, o ISP contou 4.421 assaltos - 147,33 diários.
Os roubos em coletivos também aumentaram 81,7%. Saltaram de 619 de junho de 2015 para 1.125 do mês passado. Somando-se roubos de rua (a pedestres, de celulares e em transportes), chega-se a um aumento de 81,2%, de 5.936 para 10.754, uma média de 357,5 assaltos por dia.
Os homicídios dolosos (com intenção de matar) aumentaram 38,2%, de 272 (9,06 diários) para 376 (12,53 por dia). Já os homicídios decorrentes da intervenção policial aumentaram 68,2%, de 44 para 74.
fonte:Estadão



  • Facebook terá vídeos ao vivo com filtros similares...
  • Venezuela: 87% dizem não ter dinheiro para comprar comida...
  • Refugiados afirmam ter visto Jesus em travessia ...
  • Coca, Ambev e Pepsi fecham acordo: não vender refrigerantes...
  • Menina escreve carta à mãe e denuncia pai por estupro ...
  • Incêndio em pet shop mata animais
  • Número de mortos por H1N1 no Brasil sobe ..
  • A árvore da morte
  • Bebês com três pais podem se tornar realidade...
  • Eduardo Paes minimizou o estado de calamidade pública...
  • Imprensa internacional repercute decreto de calamidade pública...
  • Especialistas questionam decreto de calamidade pública...
  • Governo do RJ decreta estado de calamidade pública...
  • Cobra é encontrada congelada por causa do frio
  • Morre o filho de Eyshila.
  • Nasce bebê de mulher que estava com morte cerebral...
  • Turista é presa e condenada por denunciar estupro ...
  • Terrorista mata um policial e sua esposa em ataque...
  • Supremo vai decidir sobre abertura de inquérito ...

  • Nenhum comentário:

    Postar um comentário