segunda-feira, 23 de maio de 2016

‘Aumento de impostos não se aplica mais’, diz Ministro da Fazenda

Imagem: José Cruz/ABr








O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, afirmou em evento da revista ‘Veja’ nesta segunda-feira (23) que vai anunciar amanhã uma série de medidas econômicas para o Brasil. Ele diz que o foco será na questão fiscal, na produtividade e na solução de problemas no âmbito empresarial. As informações são do repórter da BBC Brasil Felipe Souza.
“Vamos controlar a ansiedade e agir com rapidez e segurança. É muito importante olharmos o caminho que foi feito nas décadas passadas. Essa medida [aumento de impostos] não se aplica mais porque elas já foram feitas em excesso e induzem ao menor crescimento”, disse.
O ministro afirmou ainda que o país precisa tomar uma nova direção e que não pode haver erros. “Defino este momento com a seguinte frase: Devagar que eu estou com muita pressa”.
“São medidas tanto no campo administrativo quanto legislativo. Medidas que tenham efeitos plurianuais e impacto permanente. Vamos dar uma linha de ação para que nós tenhamos uma grande segurança por parte da sociedade, dos investidores e credores. Vamos dar confiança a todos”, afirmou o ministro.
Meirelles adiantou que haverá um rígido controle das despesas públicas do país. “Precisamos da volta da confiança da sociedade e dos empresários. Com isso, voltam os investimentos, o consumo e a arrecadação. As etapas seguintes serão medidas de melhoras de ambiente de trabalho, produtividade, etc”.

Foto: Agência Brasil


  • Grávidas devem evitar Rio de Janeiro, diz OMS
  • Moro aceita denúncia contra Delúbio, Ronan, Marcos...
  • Temer fará discurso de abertura dos Jogos Olímpicos...
  • Temer 'não tem legitimidade para conduzir o País',...
  • A equipe de Michel Temer é formada de investigados...
  • 'Não podemos mais falar em crise', diz Temer
  • 'Posso ter cometido erros, mas não cometi crimes',...
  • Kim Kardashian receberá prêmio por quebrar a internet...
  • Collor dá lição de moral, critica fisiologismo ...
  • Ataques terroristas matam quase 100 pessoas
  • Prestes a ser afastada, Dilma publica 14 decretos
  • Comissão do Senado aprova relatório pelo impeachment...
  • TRE condena Temer, que está inelegível pelos próximos...
  • Espanha registra 1º caso de microcefalia relacionado...
  • Temer pode ser primeiro presidente 'ficha-suja
  • WhatsApp manda executivos ao Brasil
  • Comissão do Senado tem 'Cunha psicopata' e Dilma ...
  • Primeiro processo por crime de guerra na Síria ...
  • Trump segue invencível
  • Brasileira é suspeita de abandonar criança ...
  • Corpos de alpinistas são achados no Himalaia 16 anos depois...
  • Avanço de supergonorreia que pode se tornar intratável...
  • Prefeito do Rio' em cerimônia da Tocha
  • Juiz que suspendeu WhatsApp vai enfrentar processo...
  • Janot afirma que Cunha era 'um dos líderes' ...
  • Francês processa empresa porque trabalho era entediante...
  • Obama posta foto de 5ª série e homenageia professora...
  • Mark Zuckerberg diz que bloqueio do WhatsApp foi '...
  • Três irmãos de 5 anos foram fotografados distribuindo...
  • Brasil já teve 290 mortes por H1N1 este ano
  • Nenhum comentário:

    Postar um comentário