quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

Novo ‘HD’ guarda arquivos para sempre

 Armazenamento óptico 5D tem vida útil "infinita", podendo guardar 360 TB por 13,8 bilhões de anos
Armazenamento óptico 5D tem vida útil “infinita”, podendo guardar 360 TB por 13,8 bilhões de anos

Pesquisadores da Universidade de Southampton, no Reino Unido, anunciaram uma unidade de disco que pode armazenar dados, como documentos e obras de arte, ‘para sempre’. O dispositivo, que consiste em um pequeno vidro nanoestruturado e tem gravação a laser, é capaz de guardar 360 TB por até 13,8 bilhões de anos.
A tecnologia foi batizada de armazenamento digital 5D. O nome surgiu a partir do tamanho e da orientação, além da posição dos dados – que é tridimensional. Por enquanto, cientistas estão em busca de empresas interessadas em tornar o protótipo um produto comercializável.
A enorme durabilidade do dispositivo está relacionada à sua resistência. Os discos de armazenamento de vidro são estáveis a temperaturas de até 1.000º C. O período de 13,8 bilhões de anos é estabelecido tomando como referência uma temperatura ambiente de até 190º C.
Segundo os cientistas, que apelidaram a mídia de “Superman memory crystal”, por conta dos cristais mostrados no filme “Superman”, a descoberta abre uma nova era de arquivamento de dados eterno. Com o armazenamento 5D, documentos, livros históricos importantes, obras de artes e descobertas científicas podem ter uma vida ilimitada, pelo menos virtualmente.
De acordo com o professor Peter Kazansky, um dos responsáveis pelo projeto, o protótipo pode ajudar no futuro: “Esta tecnologia pode garantir a última prova da nossa civilização: tudo o que aprendemos não será esquecido”, afirma.
Ainda não há previsão de quando a mídia chegará ao mercado e o preço do protótipo não foi anunciado pela universidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário