terça-feira, 17 de março de 2015

Casal celebra união em hospital após médicos darem 48 horas de vida para mulher

Jack Beniston e a namorada Michelle O'Connor: os dois se conheciam há três anos e pretendiam oficializar a união após o nascimento da primeira filha (Foto: Reprodução / Facebook)
Um casal de Stamford, no Reino Unido, celebrou o casamento dentro de um hospital, onde a mulher fazia tratamento contra um câncer, após os médicos informarem que ela teria apenas mais 48 horas de vida.

Jack Beniston, que estava ao lado da namorada Michelle O’Connor durante a batalha dela contra a doença, contou que a mulher foi diagnosticada com um câncer cervical apenas dois meses depois de dar à luz a primeira filha do casal, Martha, e os dois tinham planos de oficializar a união.

Segundo ele, foram os próprios médicos que sugeriram que a cerimônia poderia ser realizada no hospital. “Os médicos disseram que nós teríamos toda a infra-estrutura à disposição para fazer um casamento no hospital, se quiséssemos, e eu imediatamente disse: ‘Vamos fazer’”, contou Beniston, de 22 anos, ao “Daily Mail”.
Michelle, que tinha 32 anos, vestida de noiva com a filha recém-nascida Martha: ela descobriu a doença após nascimento da filha (Foto: Reprodução / Facebook)


“Eu convidei nossas famílias e amigos mais próximos, o que foi incrível. As enfermeiras terminaram o expediente às 17h e passaram mais de 1 hora arrumando ela no quarto. Foi maravilhoso ver Michelle vindo ao meu encontro de noiva, ela estava linda. Foi meio angustiante, mas a fez feliz e isso era tudo que eu queria”, lembra o noivo.

O  recém-casados passaram a noite no hospital que, segundo ele, foi decorado como uma suíte de núpcias pela equipe. Beniston afirma que ele a namorada sabiam que queriam se casar desde a primeira vez que se encontraram –mas nunca imaginaram que ficariam casados apenas por quatro semanas.

Após esse período, ele conta, Michelle não resistiu ao avanço da doença e morreu no hospital, cercada pela família e amigos. “Antes de ela ficar doente, nós passávamos todas as horas juntos, ela morreu como nós vivíamos. Não havia outra maneira disso acontecer, nós nos amávamos”, disse.
fonte:http://revistamarieclaire.globo.com/Web/noticia/2015/03/casal-celebra-uniao-em-hospital-apos-medicos-darem-48-horas-de-vida-para-mulher-com-cancer.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário