segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Prisão polêmica de ator causa comoção nas redes sociais

Prisão polêmica de ator causa comoção nas redes sociais
O ator Vinícius Romão de Souza, que atuou na novela Lado a Lado, da TV Globo, pode ter sido preso injustamente, segundo amigos. Ele foi abordado por policiais na Rua Amaro Cavalcanti, no Méier, Zona Norte do Rio, logo após uma mulher ser assaltada na região. A vítima reconheceu Vinícius como o assaltante. Porém, amigos do jovem afirmam que a descrição do criminoso feita pela mulher não condiz com a do ator.
'A prisão foi injusta. O Romão estava com uma roupa completamente diferente da usada pelo homem descrito pela mulher como assaltante', afirmou Bruno Ramos.
Ainda segundo Bruno, Romão voltava do trabalho, em uma loja de roupas, quando foi preso.
'Como está começando como ator, ele trabalha como vendedor em uma loja de roupas para complementar a renda. Não foi encontrado nenhum objeto da mulher com ele', disse.
A prisão causou comoção nas redes sociais. 'Estou chocada! Romão foi meu aluno e sei muito bem o quanto esse garoto é bom!', afirmou uma ex-professora do ator. Uma amiga criticou a prisão e levantou a hipótese de preconceito racial. 'Ele foi preso injustamente! Precisamos divulgar, ele foi vítima do preconceito!', disse.
O caso foi registrado no dia 17 de fevereiro na Delegacia do Engenho Novo. Vinícius Romão está preso desde então na Casa de Detenção Patrícia Acioli, em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio. Segundo Bruno Ramos, o advogado do ator vai solicitar imagens de câmeras de um prédio próximo ao assalto
fonte:http://radioglobo.globoradio.globo.com/noticias-policiais/2014/02/24/PRISAO-POLEMICA-DE-ATOR-CAUSA-COMOCAO-NAS-REDES-SOCIAIS.htm

Ladrão sofre infarto após roubar celular de mulher em Franca

Um homem sofreu um infarto na tarde desta segunda-feira (24) após assaltar uma mulher no bairro São Joaquim, em Franca(SP), de acordo com a Polícia Militar. O suspeito teria roubado o celular da vítima e fugido a pé antes de passar mal e cair próximo a um campo de futebol. O homem foi levado ao Hospital São Joaquim e posteriormente transferido para a Santa Casa. Assim que receber alta, ele será levado a uma unidade prisional da região.
De acordo com o tenente Júnior, a vítima relatou que seguia em direção a um consultório médico com o filho de 3 três meses no colo. Quando pegou o celular para conferir o endereço do local, foi abordada pelo bandido, que tomou o aparelho e saiu correndo. Momentos depois, o suspeito passou mal e caiu. Em seguida, populares acionaram a polícia
"Chegamos ao local e constatamos que poderia ser uma parada cardíaca. Iniciamos então o procedimento de ressuscitação, socorremos o mesmo até a unidade hospitalar mais próxima", afirma.
O homem foi transferido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência para a Santa Casa, onde permanece em observação. De acordo com a PM, ele será encaminhado a uma unidade prisional assim que receber alta do hospital.
Ladrão foi transferido para Santa Casa de Franca (SP) pelo Samu (Foto: Reprodução/EPTV)

Passaporte para cães e gatos começa a ser emitido no país

Passaporte cães e gatos (Foto: Reprodução/Diário Oficial da União)

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento começou a emitir nesta segunda-feira (24) o passaporte para cães e gatos.
O documento poderá substituir o atual Certificado Veterinário Internacional (CVI) e não é obrigatório -- caberá ao dono decidir se prefere aderir ou não. De acordo com a veterinária Mirela Eidt, fiscal do ministério, a vantagem de tirar o novo documento é que as informações estarão todas reunidas em um lugar só, e o passageiro perderá menos tempo esperando a liberação do animal para o transporte.Antes de fazer o passaporte, o proprietário deve procurar um veterinário em estabelecimento especializado para implantar um microchip no animal para facilitar sua identificação em qualquer país. O objeto tem o tamanho de um grão de arroz e fica sob a pele do bicho.
Para tirar o documento, é preciso ir até as unidades do Sistema de Vigilância Agropecuária Internacional (Vigiagro), situadas em aeroportos, portos e postos de fronteira nos estados.
De acordo com o ministério, os passaportes ainda não foram entregues às unidades, mas o requerimento já pode ser feito em todas elas, já que o prazo de emissão do documento é de 30 dias.
Países
O modelo do passaporte (Foto: Reprodução/Diário Oficial da União)
Por enquanto, os únicos países que aceitam o Passaporte para Trânsito de Cães e Gatos são os do Mercosul: Uruguai, Paraguai, Venezuela e Argentina. Mas, segundo o ministério, ainda em março deve ocorrer uma atualização com a inclusão de mais países, como os da União Europeia.
Entre as informações que constam do documento estão o nome e endereço do dono; a descrição do animal; nome, espécie, raça, sexo, pelagem e data estimada de nascimento; número de identificação eletrônica do animal (microchip); dados de vacinação e exame clínico fornecidos por médico veterinário. Ele será expedido nos idiomas português, inglês e espanhol.
É preciso levar, para fazer o requerimento, um documento de comprovação de aplicação do microchip, atestado de saúde do animal e documentos de identificação e comprovante de residência do proprietário. O animal deve ir junto com o dono para a solicitação.
O passaporte vale por toda a vida do bicho, mas as informações sanitárias devem ser validadas a cada nova viagem .
fonte:G1

Leopardo provoca pânico em cidade do norte da Índia

Leopardo que foi visto em área residencial tenta escapar de agentes na cidade indiana de Meerut (Foto: STR/AFP)Leopardo que foi visto em área residencial tenta escapar de agentes na cidade indiana de Meerut (Foto: STR/AFP)
Um leopardo está causando pânico na cidade de Meerut, no norte da Índia, e nesta segunda-feira (24) escolas locais
O animal foi avistado na cidade do estado de Uttar Pradesh no domingo de manhã, o que causou terror e correria que deixaram três pessoas feridas, segundo a emissora NDTV.
As autoridades locais enviaram soldados da Polícia e do Exército indiano para capturar o felino, que entrou em um hospital, do qual os doentes tiveram de ser retirados
O animal ficou acuado, mas conseguiu escapar horas mais tarde do local, após ferir duas pessoas. Agora seu paradeiro é desconhecido.
Na Índia aconteceram alguns ataques de leopardos e tigres a pessoas nos últimos anos, devido à progressiva destruição dos habitats destes animais e à urbanização de espaços antes naturais. Uma tigresa matou dez pessoas no norte do país em dois meses.
O exemplar de leopardo aproveitou um buraco feito na parede para escapar de autoridades que tentavam capturar o felino nesta segunda-feira (24) (Foto: STR/AFP)Leopardo aproveitou um buraco feito na parede para escapar de autoridades que tentavam capturá-lo nesta segunda-feira (24) (Foto: STR/AFP)
Na foto, é possível ver o exemplar de leopardo observando homem do interior de prédio em Meerut, na Índia (Foto: STR/AFP)Na foto, é possível ver o leopardo observando homem do interior de prédio em Meerut, na Índia (Foto: STR/AFP)










fonteG1

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Nos EUA 25% ignoram que a Terra ‘gira’ em torno do Sol


Pesquisa mostra que 1 em 4 americanos ignora que a Terra orbita o Sol
Pesquisa mostra que 1 em 4 americanos ignora que a Terra orbita o Sol
Os americanos são entusiastas das ciências, mas carecem de conhecimentos básicos nesta área. Segundo um estudo da Fundação Nacional da Ciência dos Estados Unidos, uma em quatro pessoas no país ignora que a Terra gira em torno do Sol. A pesquisa foi divulgada na última sexta-feira (14), durante um encontro da Associação Americana para o Avanço da Ciência, em Chicago.
A pesquisa foi feita com mais de 2 200 pessoas. Compunham o questionário nove questões de física e biológica. A média alcançada mal daria para garantir a aprovação dos participantes. Apenas 74% sabiam que a Terra gira em torno do Sol. Menos da metade (48%) sabia que os seres humanos evoluíram ao longo do tempo a partir de outras espécies.
O resultado da pesquisa, que é realizada a cada dois anos, será incluído em um relatório da Fundação Nacional da Ciência a ser entregue ao presidente, Barack Obama, e membros do Congresso. Um em cada três participantes disse que a ciência deveria obter mais financiamento do governo. Quase 90% expressaram interesse em aprender sobre descobertas médicas.
Astrologia não é ciência
A associação também divulgou nesta semana que quase metade dos americanos acredita que astrologia, que enxerga influência dos corpos celestiais no comportamento humano, é “muito científica” ou “mais ou menos científica”. A prevalência foi maior entre jovens de 18 a 24 anos: 58% acham que astrologia tem base científica.

Fonte: Veja

Igrejas se unem e Conselho Evangélico da Venezuela e pede orações pelo país


Imagem: Reprodução/Isaac Urrutia-ReutersO Conselho Evangélico da Venezuela publicou uma mensagem pedindo orações pelo país e chamando o governo de Nicolas Maduro a cumprir seu papel na garantia dos direitos civis.
“Nesta hora de extraordinária dor para o país, em que o luto embarga mais uma vez as casas venezuelanas, o Conselho Evangélico da Venezuela manifesta sua solidariedade a todos e eleva orações e súplicas a Deus pela paz da nossa nação, especialmente pelas famílias que tem perdido um ente querido durante os protestos realizados”, diz trecho do texto.
De acordo com a Agência Latino-americana e Caribenha de Comunicação, o Conselho também manifestou a defesa pelo o direito a vida e repudiou a violência em qualquer cenário, principalmente quando os direitos da população não são respeitados.
Representando dois milhões de pessoas que frequentam 1.500 igrejas, o Conselho pediu aos órgãos do Estado mais esforços para resguardar a integridade física e a segurança da cidadania.
O texto ainda rogou por justiça e paz e fez um apelo para que a população faça uso de seus direitos consagrados na Constituição.
Entenda o caso
Em 12 de fevereiro uma manifestação estudantil contra o governo gerou tensão entre a polícia e os manifestantes. Três jovens morreram e dezenas ficaram feridos.
Por conta disto outras manifestações foram sendo organizadas tendo como líder o dirigente de oposição Leopoldo López, que foi preso acusado de ser o causador desses incidentes.
López liderou uma grande manifestação contra o governo de Nicolás Maduro no leste de Caracas reunindo milhares de pessoas. Além dele, o governo também tem culpado os Estados Unidos pela violência na cidade.

Fonte: Gospel Prime

Asteroide passou muito próximo da Terra


Imagem: Divulgação
Rocha 2000 EM26 atingiu ponto mais próximo do planeta na noite passada. Com 270 metros de largura, asteroide viajava a 47 mil km/h
Um asteroide com 270 metros de largura e considerado potencialmente perigoso pelos cientistas passou próximo da Terra na noite desta segunda-feira (18), de acordo com a imprensa internacional.
Segundo o jornal britânico “The Guardian”, a rocha espacial conhecida como 2000 EM26 não representou nenhuma ameaça.
A distância mais próxima da Terra, 3,4 milhões de km – o equivalente a 8,8 vezes a distância entre nosso planeta e a Lua – foi por volta das 23h, horário de Brasília.
A agência Reuters afirma que mesmo com essa distância, o corpo celeste foi considerado um objeto potencialmente perigoso à Terra. Os cientistas estimavam que sua velocidade era de 47 mil km/h.
O fato ocorre pouco mais de um ano depois da Rússia experimentar momentos assustadores com a queda de um meteorito na região de Chelyabinsk, que deixou mais de mil pessoas feridas.
Os cientistas estimam que o asteroide pode ter medido até 20 metros e pesado 13.000 toneladas. Ao entrar na atmosfera, ele se tornou um objeto dotado de energia equivalente a um milhão de toneladas de TNT, isto é, 30 vezes a potência da bomba atômica de Hiroshima.
A trajetória, acrescentam, sugere que o meteorito foi alguma vez parte de um asteroide de dois quilômetros de diâmetro chamado 86039, inicialmente avistado em 1999 e que voltava a passar regularmente perto da Terra.

Fonte: G1

Restaurante nigeriano oferecia cabeças humanas


Imagem: DivulgaçãoA polícia nigeriana descobriu um restaurante que servia cabeças humanas na cidade de Anambra, no sudoeste do país. Durante a operação na última quarta-feira, o estabelecimento foi fechado depois de encontrarem duas cabeças embrulhadas em papel celofane. Além disso, 11 pessoas foram presas e diversas armas apreendidas.
O restaurante era localizado dentro de um hotel, sendo famoso pelos preços elevados. Segundo os jornais locais, o menu oferecia cabeças humanas grelhadas como iguaria. Um pastor que havia comido no local disse estar surpreso com a revelação e por ter comido carne humana sem saber. O dono do hotel foi detido pelos agentes, logo após a descoberta.

Fonte: SRZD

Casal morre de mãos dadas com horas de diferença, após 60 anos juntos


Ed Hale, de 83 anos, havia prometido à mulher, Floreen Hale, de 82 anos , que nunca a deixaria. Eles morream com apenas 36 horas de diferença
Ed Hale, 83 anos, havia prometido à mulher, Floreen Hale, 82 anos, que nunca a deixaria. Eles morreram com apenas 36 horas de diferença
Um casal de idosos que passou 60 anos juntos morreu de mãos dadas, com apenas algumas horas de diferença no início deste mês em Nova York, nos Estados Unidos, segundo o jornal “New York Daily News”.
Ed Hale, de 83 anos, havia prometido à mulher, Floreen Hale, de 82 anos, que nunca a deixaria. Ele permaneceu ao lado dela mesmo após ela morrer, e acabou morrendo 36 horas depois.
Os dois se conheceram em 1952. Floreen estava em uma festa com seus amigos pela primeira vez desde que havia sofrido um acidente de carro, que matou seu primeiro marido – ela estava casada há apenas seis meses.
Ed prometeu cuidar de Floreen pelo resto da vida, e os dois nunca se separaram.
No fim de janeiro, entretanto, a promessa feita pelo homem de cuidar de sua mulher até o fim quase foi quebrada quando ele foi hospitalizado devido a um problema na perna, considerado grave pelos médicos.
Ed pediu para ver sua mulher, sem saber que ela também havia sido internada em um outro hospital com problemas no coração. Seu estado também era considerado grave.
O homem ficou inconformado. “Ele disse ‘preciso ver sua mãe, preciso falar com sua mãe. Estou morrendo, eu preciso vê-la’”, contou Renee Hirsh, filha do casal. “Foi o pior dia da minha vida”.
O hospital onde Ed estava internado concordou em transferi-lo caso suas condições de saúde melhorassem. Dois dias depois, isso foi possível, e ele foi levado para o hospital onde Floreen estava.
Os dois foram instalados em camas colocadas uma ao lado da outra. Floreen pareceu confusa ao perceber que seu marido havia chegado. “Ela achou que ele talvez já tivesse morrido”, contou a filha do casal.
Os dois trocaram juras de amor novamente, deram as mãos, e alguns minutos depois Floreen morreu. Ed permaneceu ao seu lado, e sua condição se deteriorou. Após 36 horas, ele também morreu. Os dois foram enterrados juntos no dia 13 de fevereiro.

Fonte: G1

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Pastor gera polêmica por 'odiar Barack Obama', criticar Nicolas Cage e pedir execução de gays




Pastor da Igreja Batista Palavra da Fé de Tempe, Arizona (EUA), Steven Anderson tem causado bastante polêmica com seus discursos voltados a acusar o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, pedir pela execução de homossexuais e criticar o ator Nicolas Cage.

 As controvérsias em torno do pastor Anderson começaram depois de um de seus sermões, quando em 2009 ele faz questão de revelar que "odeia Barack Obama" e que reza por sua morte, ao crer que o presidente americano transformou os EUA em uma nação afundada em perversidade, de acordo com o site Examiner.

Para completar, o pastor tem sido acusado de ser homofóbico extremista, ao acreditar que a justiça americana deveria aplicar uma sanção para punir as pessoas que se assumem como homossexuais com a pena de morte, sob argumentos prescritos na Bíblia, segundo ele.

Agora, em um novo discurso polêmico, Steven Anderson resolveu atacar o ator Nicolas Cage, por conta de sua participação no remake do filme cristão Deixados para Trás (Left Behind), que tem o final dos tempos como tema central, quando os cristãos serão levados para os céus em um período de longo julgamento sob a Terra.

Segundo o pastor, o filme distorce os ensinamentos das passagens bíblicas do Apocalipse, acrescentando que Nicolas está em uma fase decadente de sua carreira, se fazendo passar por um cristão liberal que na verdade não crê na Bíblia.
Para o Pr. Anderson, é necessário maior vigilância sobre "falsas doutrinas" e que as igrejas não devem permitir que qualquer um venha pregar em nome de Deus, impedindo que pessoas sejam "colocadas aleatoriamente atrás do púlpito".
Além de Nicolas Cage, ele ainda acusa outras celebridades declaradamente cristãs como Mel Gibson, Justin Bieber e os integrantes da banda U2 de desprezarem a religião, alertando para fãs "não se animarem" por assumirem sua fé.
Recentemente, usuários de redes sociais também criticaram a participação de Cage em Left Behind, questionando a crença do ator. Como contrapartida, o produtor do filme, Paul Lalonde ressaltou que cada um tem sua forma de expressar sua fé e deve ter o direito de "viver sua vida cristã" como achar melhor.
fonte:christianpost.com

Mulher publica fotos de seu corpo após câncer e perde amigos no Facebook


Beth na foto de abertura do projeto Under the Red Dress
Ter câncer é uma experiência pela qual ninguém gostaria de passar. Pensando nisso, Beth Whaanga posou para a fotógrafa e amiga Nadia Masot mostrando o efeito devastador que a doença, e as cirurgias em decorrência dela, tiveram sobre seu corpo. Elas chamaram o projeto de Under the Red Dress (Por Baixo do Vestido Vermelho).
Eis a explicação, dada por Beth ao divulgar o material: “Estas imagens são confrontadoras e contém topless. Elas não são, de forma alguma, para ser algo com conotação sexual. Todos os dias você passa por pessoas. Essas pessoas parecem normais, mas sob suas roupas às vezes seus corpos contam uma história diferente. Nadia e eu pretendemos encontrar outras pessoas que estão dispostas a participar do nosso projeto para que possamos mostrar aos outros que câncer afeta a todos. Velho ou jovem, a idade não importa, auto-exame é fundamental. Isso pode acontecer com você. O objetivo deste projeto é aumentar a consciência para o câncer de mama. Se você achar essas imagens ofensivas por favor remova do seu feed”.
Porém, não foi bem isso o que aconteceu. Muitos de seus amigos não só ficaram ofendidos com as imagens, como a excluíram de sua lista no Facebook e reportaram o conteúdo como ofensivo aos administradoras da rede social. Poucas horas após a publicação do projeto Under the Red Dress, ela já havia perdido 100 amigos.
Para essas pessoas ela mandou um recado: “Vocês não entenderam o meu ponto. Fico triste por vocês”.
Veja as fotos e deixe o seu comentário no Verdade Gospel.
O corpo de Beth após as cirurgias. As setas apontam onde e qual procedimento foi feito
O corpo de Beth após as cirurgias. As setas apontam onde e qual procedimento foi feito
Beth Whaanga se uniu à fotógrafa, e amiga, Nadia Masot para aumentar a conscientização sobre a doença. "Vocês não entenderam o meu ponto", ela escreveu na rede social
O objetivo de Beth Whaanga é aumentar a conscientização sobre a doença. “Vocês não entenderam o meu ponto”, ela escreveu na rede social
Fonte: Glamour/Globo

Naldo aparece em show de Thalles e diz que foi o Espírito Santo que o levou até ali


Emocionado, Naldo se ajoelhou no palco e recebeu oração do cantor Thalles
Algo inusitado aconteceu no último show do cantor gospel Thalles Roberto, nesta terça-feira (11), no Rio de Janeiro. Mesmo sem ser convidado, o cantor Naldo apareceu no palco e se emocionou ao cantar a música ‘Clareia’. Depois do show, Naldo publicou em sua página oficial do Facebook um testemunho, em que revelou ter sido tocado e guido pelo Espírito Santo até aquele local.
Confira o testemunho na íntegra:
“O dia havia sido estranho pra mim,
Ao acordar a noite pra ir fazer meu show q seria na barra da tijuca, ao passar em frente ao Barra music no meu carro senti um mover diferente, era o ESPÍRITO SANTO, me fez da a volta no caminho, e dentro de mim dizia bem forte se for de Deus vai da tudo certo,
Entrei no show do meu amigo, talentoso, homem de Deus @thallesrobertoo,
Foi incrível, e eu com o tempo apertado por conta do meu show rsrsrs
Mais vinha toda hora na cabeça, fique tranquilo eu estou no comando, e pra quem sabe, isso é Deus falando e ponto final,
Contei isso pro povo de Deus no palco com o Thalles ouvindo tudo,
O povo gritando Volta pra Jesus, e aos gritos, cantando o refrão de arde outra vez,
Nao tenho duvidas, quem me fez fazer o retorno, e ir ao palco cantar Clareia com Thalles foi o ESPÍRITO SANTO DE DEUS,
Galera não se assustem, com novidades, é chegado o tempo do mestre na minha vida,
Quem esta comigo é o Deus de israel,
O SENHOR DOS SENHORES,
Aeeee Negão TE AMO MUITO @thallesrobertoo, vai preparando o groove, que o papai ta no comando
Tamo junto negão
DEUS NOS ABENÇOE
Vou ser Papai dnovo,
Entrego esse novo momento nas mãos do meu mestre, filho é Bencão
E Deus é Fiel
Vamo NO FLOWW
Cheios do ESPÍRITO SANTO”.
Segundo notas publicadas em veículos de comunicação, a família de Naldo é evangélica e ele teria começado a cantar em uma igreja ao lado de sua casa, ainda criança.

Fonte: Facebook/ Verdadegospel

Líder da Assembleia de Deus é liberto após um ano de cárcere no Irã


Imagem: DivulgaçãoDavoud Alijani, um dos líderes da congregação da Assembleia de Deus em Ahwaz, no Irã, foi liberado da prisão após ser mantido na cadeia por ter se convertido ao cristianismo e evangelizar, o que é considerado propaganda contra a república islâmica.
A prisão do líder cristão aconteceu em 23 de dezembro de 2011, quando policiais iranianos invadiram um culto e levaram todos os presentes presos. Após interrogatório, quase todos os fiéis foram liberados, com exceção de Davoud Alijani, o pastor Farhad Sabokrouh, sua esposa Shahnaz Jayzan e um segundo líder da congregação Naser Zamen-Dezfuli.
Em fevereiro de 2012, os quatro foram liberados temporariamente, sob a condição de não mais realizarem cultos ou evangelismo. O pastor Farhad foi proibido de visitar os irmãos na fé em Ahwaz, e terminou se mudando para Teerã.
Segundo a Missão Portas Abertas, em outubro do mesmo ano, os quatro foram condenados a um ano de prisão, e em maio de 2013 foram convocados à corte, onde foram presos para o cumprimento da pena.
O pastor Farhad e o outro líder, Naser Zamen-Dezfuli, foram liberados da prisão no dia 4 de dezembro de 2013, quando estavam próximos de completar sua sentença. A esposa do pastor, Shahnaz foi liberada quase dois meses depois, no dia 28 de janeiro de 2014.
Agora, o último cristão preso ganhou a liberdade, vinte dias antes do final de sua condenação.
Falando sobre o tempo na cadeia, Alijani conta que era constantemente incentivado a negar sua fé em Jesus Cristo, e que mesmo sem tortura física, a pressão psicológica é muito forte: “A angústia mental te afeta psicologicamente, mesmo que você não tenha sido torturado. Quando minha família veio me visitar, disseram que podiam ver a angústia escrita em meu rosto. Cada vez que ficava doente, eu ia à enfermaria da prisão, cuidada por detentos, e eles só me davam analgésicos. Os guardas tentavam me fazer negar minha fé regularmente”, testemunha.
Apesar da libertação dos líderes e mesmo com a documentação em ordem, a congregação já não se reúne mais para cultuar por temer a perseguição.

Fonte: Gospel Mais/Portas Abertas

‘Sou abençoada’, diz Darlene Zchech, em tratamento contra o câncer


Imagem: DivulgaçãoA pastora Darlene Zchech, ex-líder de louvor da Hillsong Church, concluiu a primeira fase de quimioterapia para vencer o câncer de mama e compartilhou a experiência em seu blog. “Estou chegando ao final de uma rodada de quimioterapia (eu tenho 5 para ir) e tudo que eu posso dizer é: Graça, graça e mais graça”, escreveu Darlene.
Na manhã desta quarta-feira (12), a cantora postou em seu twitter um agradecimento aos amigos e familiares: “Eu só posso dizer que sou abençoada”.

“Me faz parecer mais doente do que eu me sinto”, disse Darlene sobre a perda de cabelo. Mas a cantora também afirma que tem recebido “muito conforto” por parte do marido e das filhas.
“Eu posso dizer que apesar de tudo, estou certa do amor de Deus por mim. Verdadeiramente esta foi uma das partes mais doces dessa fase [...] Os nossos amigos, familiares e nossa família, amada da igreja são surpreendentes a cada dia. Eu estou convencida de que a vida sempre foi concebida para ser vivida em verdadeira comunhão. Dias bons e dias ruins, mas sempre é melhor em conjunto”, comentou Darlene.
A ministra de louvor aproveitou para anunciar que lançará músicas que compôs a partir de reflexões feitas durante essa fase. “Na verdade, já estamos planejando um culto de ação de graças em nossa igreja, em novembro, onde vamos gravar músicas nascidas durante esta temporada. Nós simplesmente queremos preencher o lugar com louvor por tudo o que Deus tem feito”, afirmou.

Fonte: GM

quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Nova lei afegã proíbe mulher vítima de violência de testemunhar contra acusado


Medida, que ainda precisa ser aprovada por presidente, proíbe que parentes e a própria vítima possam testemunhar contra acusado
Medida, que ainda precisa ser aprovada por presidente, proíbe que parentes e a própria vítima possam testemunhar contra acusado
Sahar Gul é uma afegã que foi forçada a casar com um homem mais velho. Depois de ser acorrentada numa caverna, passou fome e foi chicoteada porque se recusou trabalhar para a família do marido como prostituta. Mas, de acordo com uma lei aprovada pelo Parlamento do Afeganistão, nem o marido nem os sogros serão punidos porque Sahar não pode testemunhar contra eles. A pequena, mas significativa mudança no código penal, que precisa ser assinada pelo presidente Hamid Karzai, proíbe que parentes e a própria vítima possam depor contra um acusado. Na prática, agrava a vulnerabilidade das mulheres num país onde os abusos domésticos são constantes, muitos casamentos são forçados e onde as mortes por honra são socialmente aceitas.
“O que está a acontecendo é grotesco”, disse à BBC Manizha Naderi, diretora do grupo “Women for Afghan Women”, organização que defende os direitos humanos das mulheres afegãs. “Torna impossível levar à Justiça casos de violência contra as mulheres.
A lei altera uma seção do Código Civil que proíbe o testemunho das mulheres, das crianças, dos médicos e dos advogados de defesa envolvidos na queixa ou no caso contra o acusado. Assim, nem uma mulher espancada ou mutilada pelo marido, pai, irmão ou sogro, nem o médico que a assistiu poderão testemunhar contra o marido, pai, irmão ou sogro.
“Os assassinatos de honra, que são cometidos por pais e irmãos que não aceitam o comportamento das mulheres, vão ficar sem punição. Os casamentos forçados e a venda ou troca de filhas para resolver disputas ou pagar dívidas também deixam de estar ao alcance da lei num país onde a Justiça para este tipo de crimes já é rara”, lamenta Naderi.
Em muitos países do mundo a lei impede um dos elementos do casal de prestar testemunho contra o outro. Mas os legisladores afegãos levaram esse princípio ao extremo, de acordo com a ONG Human Rights Watch, “já que as mulheres ficam completamente desprotegidas”. Depois de não conseguir bloquear a medida no Parlamento, ativistas planejam pressionar o presidente para suspenda a nova lei.
“Vamos pedir ao presidente para não assinar a medida até que o artigo seja alterado, vamos colocar muita pressão sobre ele”, disse Selay Ghaffar, diretora de uma organização de assistência humanitária e defesa de mulheres e crianças no país.
Em 2009, a pressão das organizações não governamentais conseguiram que o presidente alterasse a lei que dizia que o marido tinha direito a ter relações sexuais com a mulher sempre que quisesse, não havendo violação em caso algum. Porém, notam as mesmas ONG, Karzai (e o sistema legislativo) está agora bastante mais conservador e no ano passado o Parlamento impediu a discussão de outra lei relativa às mulheres e à sua participação na vida social e política – previa a criação de quotas para mulheres nos conselhos provinciais. E o ministro da Justiça chegou a propor que se voltasse a legalizar o apedrejamento das adúlteras.

Fonte: O Globo

Cubana abandona ‘Mais Médicos’ e pede asilo ao governo brasileiro


Uma cubana que se apresentou como profissional participante do programa ‘Mais Médicos’ refugiou-se nesta terça-feira (4), dentro da Câmara dos Deputados e promete pedir asilo ao governo brasileiro. Ramona Matos Rodríguez, de 51 anos, disse ter deixado no sábado (01), a cidade paraense de Pacajá, onde outros seis estrangeiros atenderiam ao programa, e viajou para Brasília.
A médica declarou ter decidido abandonar o programa ao descobrir que o salário pago aos profissionais de outras nacionalidades era de R$ 10 mil, valor que não teria sido informado pelas autoridades cubanas.
Ela decidiu contatar a liderança do Democratas na Câmara depois de falar por telefone com uma amiga em Pacajá. Esta pessoa teria dito que agentes da Polícia Federal estiveram na cidade paraense em busca de Ramona e também que o telefone da cubana estava grampeado. O deputado Ronaldo Caiado (DEM-GO), que chegou a levar a médica cubana ao plenário da Casa para denunciar o que chamou de “uso de trabalho escravo” pelo programa, disse que Ramona ficará instalada dentro do gabinete da liderança do partido enquanto o governo não deliberar sobre o pedido de asilo. Ela também colocou o espaço da liderança “à disposição” de outros médicos cubanos que queiram se asilar.
Caiado surpreendeu o Plenário e deputados do PT chegaram a acionar de pronto o Ministério da Saúde para pedir mais informações. O próprio ministério foi pego desprevenido e enviou imediatamente assessores ao Legislativo.
Ramona Matos Rodríguez, natural de Havana, disse exercer a medicina há 27 anos. Ela levou à Câmara uma cópia do contrato para a sua atuação no Brasil. No documento, firmado entre Ramona e “La sociedad mercantil cubana Comercializadora de Servicios Médicos Cubanos” e com duração de três anos, Ramona aceitou ganhar o equivalente a US$ 400 mensais, depositados no Brasil, sendo que os demais US$ 600 seriam retidos em uma conta em Cuba. A médica cubana também alegou que recebia outros R$ 750 da prefeitura de Pacajá a título de auxílio alimentação e que a hospedagem era mantida pela administração municipal.
Ramona relatou ter chegado ao Brasil em outubro e ter participado, em Brasília, de um curso de capacitação do programa em suas primeiras semanas no país. Conheceu profissionais do ‘Mais Médicos’ originários de locais como Argentina e Colômbia, momento em que tomou conhecimento do salário de R$ 10 mil pago pelo programa. “Em Cuba não se falou nada sobre isso. Me senti muito mal”, relatou Ramona em coletiva de imprensa na sala do DEM. Diante disso, e somado ao fato do alto custo de vida em Pacajá para a remuneração disponível pelo programa, Ramona disse ter decidido fugir. Ela conta ter uma filha em Cuba e afirma temer por possíveis represálias do regime castrista contra ela.

Fonte: UOL