terça-feira, 8 de outubro de 2013

Polêmica: game incentiva jogadores a fazer abortos sem receios


Imagem: DivulgaçãoEstá em desenvolvimento um game muito polêmico. O “Choice Texas, A Very Serious Game” (Escolha Texas, Um Jogo Muito Sério, em tradução livre) é um jogo interativo que tem como objetivo encorajar os usuários a fazer um aborto sem receio. Ele deve ser lançado em fevereiro de 2014, segundo matéria publica no The Chrinstian Post.
Segundo o site que divulga a produção, o game é apontado como uma forma de aprendizado sobre o aborto, que pode contribuir para a educação das mulheres por meio de uma experiência fictícia.
“Embora classificado como ficção interativa, Choice Texas é baseado em uma extensa pesquisa sobre o acesso à saúde, as restrições legais, geografia e demografia da população feminina, e é um reflexo das circunstâncias reais enfrentadas pelas mulheres no país”, detalha a descrição do jogo.
Na missão do game, os jogadores tem a chance de selecionar entre cinco personagens, representadas por mulheres diante de diversos obstáculos geográficos, financeiros ou de saúde, até alcançar a etapa final onde opta pela interrupção da gravidez.
Entre os exemplos de caracterizações, uma personagem é bartender, de 19 anos, que deseja acabar com sua gravidez após ter sido estuprada. Outra personagem é uma mãe que passa por complicações médicas na gravidez.
Emily Horne, lobista do grupo Texas Right to Life (Texas Direito à Vida), diz temer pela forma banal que o aborto passará a ser encarado. ”Estou muito triste com este jogo. Ele reduz o aborto para uma visão seca e simplista, além de ignorar completamente a voz do feto, que, obviamente, não tem voz de verdade ou perspectiva em torno de tudo isso”, resume.
Protesto no Texas (EUA), no início de julho, quando a lei, que restringe o aborto, foi aprovada pelo Senado local
Em julho desta ano, protestos no Texas (EUA), marcaram a aprovação da lei que restringe o aborto
A equipe responsável pelo game apresentará um protótipo do mesmo em uma conferência neste mês de outubro, previsto para ser lançado em fevereiro de 2014.
Vale recordar que o estado do Texas (EUA), cenário do game, teve a aprovação recente de uma lei que proíbe o aborto a partir da vigésima semana de gravidez, com exceção a casos em que a mulher esteja com sua saúde em perigo. A lei foi aprovada diante de muitos protestos, com 19 votos contra 11, segundo a imprensa local.

Fonte: The Christian Post


  • Agora eu sei que Deus é meu Pai, diz mulher  
  • Membros da Igreja Unificação ateiam fogo ao próprio corpo...
  • Cantor Gospel André Valadão manda pastor ‘fechar a boca..
  • Deficiente visual vai morar com pastor e cai em golpe...
  • Evangelistas alertam que o “avivamento final” está...
  • A idolatria invade as Igrejas Evangélicas
  • “Um segundo pode acabar com a nossa vida”: 
  • Vídeo cristão é censurado pelo Facebook e Youtube
  • Pastor perde toda família em acidente de trânsito

  • Nenhum comentário:

    Postar um comentário