sexta-feira, 26 de julho de 2013

Bispo Macedo vira banqueiro



O fundador e líder da igreja Universal do Reino de Deus, Edir Macedo, além de empresário do ramo das comunicações (a igreja é proprietária da Rede Record) também se tornou banqueiro, de acordo com informações da revista americana Forbes publicadas nesta semana. Macedo comprou 49% do Banco Renner em uma operação que começou em 2009 e foi confirmada pelo Banco Central (BC) do Brasil, diz a publicação.

O banco foi fundado em 1981 pela mesma  família  que controlava as Lojas Renner, antes da venda para JC Penney. Em março de 2013, o Banco Renner tinha ativos totais de R$ 614 milhões, segundo o site do BC, que lista os 50 principais bancos do país.
Conforme a Forbes, não há detalhes sobre o quanto foi pago por Macedo para o banco de capital fechado com sede em Porto Alegre. A aquisição foi concluída por meio de umaempresa chamada BA Empreendimentos e Participações Ltda, que é controlada pela empresa de mídia que tem Macedo como seu maior acionista, com uma participação de 90%. Os outros 10% pertencem á mulher de Macedo, Esther Eunice Rangel Bezerra. Representantes do Banco Renner e de Macedo não responderam aos pedidos da Forbes para comentar o assunto.
A transação, que estava sob análise das autoridades responsáveis e só recentemente recebeu o sinal verde da presidente Dilma Rousseff, levantou algumas questões incomuns pelo fato de Macedo e sua esposa, que são brasileiros, terem sido considerados como investidores estrangeiros pelo BC. Isso ocorreu porque os dois moram nos Estados Unidos, segundo a publicação. Outro problema apontado foi a falta de experiência da dupla no setor bancário, uma vez que reguladores bancários brasileiros exigem licença técnica para os interessados em investir no mercado financeiro do país.
A revista apontou ainda que esse tem sido um ano difícil para Macedo, que segundo ranking da mesma publicação possui patrimônio estimado em US$ 1,1 bilhão (cerca de R$ 2,26 bilhões). Sua rede de televisão, está passando por uma crise de liderança, que culminou com a saída de dois de seus principais executivos no início deste mês. A diminuição na audiência e o prejuízo de R$ 117,9 milhões em 2012 também contribuíram para últimos ajustes da emissora, que incluiu o fechamento de unidades inteiras de produção e a demissão de centenas de funcionários.
A Forbes diz que a maior parte da fortuna de Macedo vem da Record, a segunda maior emissora do Brasil, que ele adquiriu em 1990. A revista afirma que "não está claro onde ele conseguiu o dinheiro para comprar a emissora" e o Ministério Público do Brasil investigou o caso e relatórios têm sugerido que ele usou fundos da igreja para a aquisição.
De longe o pastor mais rico do Brasil, Macedo foi criado como católico e se converteu ao cristianismo evangélico no início de 1970. A igreja Universal foi criada em 1977 e cresceu rapidamente como uma das maiores e mais controversas religiões no Brasil, em grande parte graças à sua "teologia da prosperidade", que sustenta que a fé e o compromisso com a igreja são recompensados com riquezas. Conforme a publicação, apesar de ainda ser muito popular, a igreja está enfrentando uma queda no número de fieis ao longo dos últimos anos, muitos dos quais estão migrando para outras denominações igrejas evangélicas.

Tags: banco, bispo, compra, economia, macedo
fonte: jwww.b.com.br/economia/noticias/2013/07/26/edir-macedo-amplia-imperio-e-vira-banqueiro-diz-forbes/

quinta-feira, 25 de julho de 2013

Esposa de Pastor Marcos Pereira grava video

   


  • Satanistas fazem protesto sobre túmulo de evangélica...
  • Marcos Feliciano critica reunião das cantoras 
  • Mara Maravilha defende Dilma Rousseff e manda recado...
  • Bispa Sônia Hernandes fala sobre o encontro  
  • Silas Malafaia no programa Na Moral
  • Ex-mendigo grava CD e vídeo clipe
  • Sarah Sheeva lançará uma grife para mulheres 
  •  Pastor pede respeito aos evangélicos “Não somos 
  • Presidente Dilma recebe cantoras evangélicas 
  • Modelo americana Kylie Bisutti abandona Victoria S...
  • Lançada a Bíblia Gay "Rainha James"
  • George Bush raspa cabelo por menino doente

    O antigo presidente dos EUA, que perdeu uma filha para a leucemia, ficou sensibilizado com o caso do filho de um segurança que luta contra a mesma doença.
    foto REUTERS
    George Bush rapa cabelo por menino doente








    Na fotografia divulgada pelo seu gabinete, George Bush surge careca, com o menino ao colo e com uma grande dose de energia positiva.
    Patrick, a criança de dois anos que enfrenta a leucemia, perdeu o cabelo durante os tratamentos e já é o centro de uma campanha para angariação de fundos para tratamento da doença.

















    quarta-feira, 24 de julho de 2013

    Evangélicos e católicos se unem contra satanista

    Evangélicos e católicos se unem contra grupo satanista

     Diferentes grupos cristãos católicos e evangélicos no estado de Nagaland, nordeste da Índia, estão se unindo para combater o rápido crescimento do satanismo.  Nos últimos meses foi divulgado que milhares de adolescentes estavam abandonando as igrejas e declarado que passaram a adorar o diabo.
    A agência de notícias do Fides, do Vaticano, informou recentemente que mais de 3.000 jovens  católicos seriam agora “adoradores de Satanás” somente em Kohima,  capital do Estado de Nagaland.
    A “explosão” do número de novos seguidores de Satanás teria começado em um movimento nas redes sociais, acredita o pastor Wati Longkumer, diretor do Movimento Missionário de Nagaland, um grupo que reúne cerca de 1.300 igrejas de confissão batista.
    “Alguns dos jovens cristãos que conseguimos resgatar desse culto a Satanás nos contaram que eram convidados para reuniões após a meia-noite nos cemitérios da região. Eles recebiam novos nomes e sempre usavam roupas pretas nos encontros”, explica Longkumer. A maioria das pessoas ao receberem os convites pela primeira vez não sabiam que estariam fazendo parte da rituais de adoração ao diabo, mas depois tinham dificuldade em sair.
    O pastor Ben Dang Toshi Longkumer, representante da Associação Evangélica da Índia, disse que os pais da região têm expressado preocupações com seus filhos depois que as denúncias começaram a ser divulgadas.
    “A participação no culto a Satanás mudou consideravelmente o comportamento e a visão de mundo desses jovens, embora nenhuma atividade criminosa tenha sido comprovada até agora”.
    Mais de 90% dos 2 milhões de habitantes de Nagaland são cristãos, sendo que 75% deles são evangélicos. O pastor Zotuo Kiewhuo acredita que a mudança drástica no comportamento da juventude do estado pode ser fruto de conflitos étnicos e seguidas denúncias de corrupção e escândalos nas igrejas, o que geraria uma grande insatisfação nos mais jovens.
    Desde abril grupos de igrejas cristãs do estado estão organizando campanhas de oração para resgatar os jovens do satanismo. A Igreja Católica Romana em Nagaland já disse que está trabalhando em conjunto com grupos evangélicos para trazer os jovens de volta ao cristianismo. 
    Com informações Religion News.

    Satanistas fazem protesto sobre túmulo de evangélica com “beijaço gay”

    Satanistas fazem protesto sobre túmulo de evangélica com “beijaço gay”Satanistas fazem protesto em cemitério com "beijaço gay"







    Conhecidos por fazer protestos agressivos em diversos eventos e enterros, a Igreja Batista de Westboro agora foi surpreendida por um “contra-ataque” de membros de uma organização satânica.
    A organização O Templo de Satanás, de Nova York, foi até o cemitério na cidade de Meridian, Mississippi, onde está enterrada Catherine Johnston, a mãe de Fred Phelps, fundador da Igreja Batista de Westboro.
    Durante um ritual chamado de “missa-cor-de-rosa”, foi realizada quando casais gays se beijaram sobre o túmulo Catherine. O objetivo era “transformar” Johnston em gay por toda a eternidade.
    Bill Arlinghaus, responsável pelo cemitério, prestou queixas e a polícia disse que irá investigar. Mandatos já foram expedidos e acredita-se que os responsáveis serão presos nos próximos dias.
    O capitão Dean Harper, do Departamento de Polícia local, disse à imprensa que as acusações são graves e incluem invasão, atentado ao pudor e dano malicioso. Há uma acusação de exposição indecente específica sobre o porta-voz do Templo de Satanás, Lucien Greaves, que teria esfregado seu pênis sobre o túmulo.
    O The Huffington Post entrevistou Greaves, que diz não estar preocupado em ser preso. Ele disse que a acusação de invasão de propriedade não se sustenta pois o cemitério estava aberto para a visitação. Explicou ainda que o ritual foi realizada como uma “demonstração de apoio à igualdade jurídica para casais do mesmo sexo”.
    fonte:gospelprime


  • MENDIGO DEVOLVE ANEL DE DIAMANTES E CAUSA COMOÇÃO...
  • PASTOR RICK WARREN RECUSOU MILHÕES DE DÓLARES  
  • SEGUNDO A NASA RIO EUFRATES ESTÁ SECANDO
  • Dezesseis cristãos foram mortos em dois ataques 
  • FILHA DE BISPO MACEDO VIVIANE FREITAS PUBLICA 
  • THALLES ROBERTO FALA AO GOSPEL PRIME
  • TESTEMUNHAS DE JEOVÁ SE REVOLTAM COM PAULA FERNAN...
  • Silvio Santos: novo bilionário da 'Forbes'  
  • Claudia Leitte diz que “só Deus concede paz”
  • Mergulhadores exploram lago russo que teria sido  
  • Asteroide de 45 metros de comprimento passa a 27 m...
  • Assista os 10 vídeos impressionantes do meteorito ...
  • Meteoro cai na Rússia e fere mais de 900 pessoas
  • meteoro cai na Rússia
  • Denzel Washington fala sobre sua fé
  • MEGAN FOX REVELA QUE JESUS É PRIORIDADE EM SUA VIDA...
  • PASTORA É PRESA
  • Igrejas começam a mudar o discurso sobre a homossexual...
  • Bilhete de pastora para garçonete vira sucesso 
  • Centenas de conversões ocorrem em meio à guerra  
  • Marcos Feliciano critica reunião das cantoras a Presidente Dilma

    Mara Maravilha defende Dilma Rousseff e manda recado para Feliciano

    Marco Feliciano chama reunião de Dilma Rousseff com cantoras gospel de engodo

    “Acorda igreja!”, pede o deputado.
    O deputado fez várias críticas através de sua conta no Twitter e acusou Crivella de tentar fazer com que Dilma Rousseff fique “bem na foto com os evangélicos” em um momento em que a popularidade da presidente cai para 31,3%.
    O parlamentar criticou a ineficácia da assessoria da presidente por ter preparado um encontro com cantoras e não com os líderes evangélicos. “Nada contra as cantoras, todavia, as convidadas nada sabem sobre o real motivo de suas visitas, ficar bem na foto com os evangélicos”, disse.
    “A primeira manifestação foi liderada pelo pastor Silas Malafaia, que com líderes (pastores) de todo o Brasil dia 5/6 levaram 70 mil pessoas a Brasília. Mais uma vez o ministro Gilberto de Carvalho, ministra Gleise Hofffman confirmam o que uma vez desmentiram: o cargo dado ao ministro Crivella, porque Crivella ‘representa’ os evangélicos. Erro gravíssimo! Mais um tiro dado no pé, pois acende a indignação dos líderes evangélicos (sic)”, escreveu Feliciano.
    Participaram do encontro Ana Paula Valadão, Bruna Karla, Cássia Helena de Sousa, Damares, Eyshila Oliveira Santos, Ezenete Alexandrina, Fernanda Hernandes Rasmussen, Irene Maria Hermenegildo Lopes Correa, Juliana Alonso Machado, Leonor Alonso Machado, Mara Maravilha, Maria do Carmo Araujo, Maurizete da Silva Catarina Acioli, Rubia Pinheiro Fernandes, Sonia Hernandes e Valnice Milhomens Coelho.
    Marco Feliciano acusou Dilma de não ter recebido os pastores porque sabia que haveria uma conversa séria, com reivindicações. O parlamentar também afirmou que Dilma não manteve a palavra ao permitir a descriminalização do aborto.
    “Na sexta feira alertei um assessor do ministro Gilberto de Carvalho, mas não adiantou, não respeitam, então que arquem com as consequências. Será que as cantoras pediram o veto do PLC 003/2013? Lei que tornará o aborto legal? Com certeza não e porquê? Porque não tem conhecimento! (sic)”, concluiu.

    Resposta de Crivella
    Crivella respondeu dizendo que o encontro que ele intermediou e participou não era um engodo e que a Bíblia ensina a fazer o que as convidadas fizeram: orar pelos governantes.
    “É da Bíblia: orai por vossas autoridades. Fomos orar pela Dilma e as demais autoridades, inclusive o deputado Feliciano. Isso não é engodo, é dever cristão.”
    Falando pela primeira vez sobre as acusações contra o deputado cristão, o ministro se mostrou contrário às declarações feitas por Feliciano no Twitter em 2011 onde ele citou que os africanos descendem de um ancestral amaldiçoado por Noé. “Discordo que os africanos sejam amaldiçoados. Vivi lá dez anos como missionário. É um povo sofrido, mas não amaldiçoado. É humilde e abençoado”, disse Crivella.
    A crítica de Feliciano contra a reunião de Dilma e autoridades femininas das igrejas evangélicas gerou muita polêmica, muitos pastores não enxergaram com bons olhos esse encontro feminino de oração, já que a presidente estava atendendo apenas os líderes que encabeçaram as manifestações que aconteceram durante o mês de junho.
    De acordo com informações do portal Diante do Trono a bispa Sônia Hernandes foi a primeira a ser convidada por Crivella e assim expandiu o convite para outras mulheres. Em entrevista ao Gospel Prime a líder da Igreja Renascer revelou que a reunião não foi política, mas um culto de louvor, leitura da Palavra e troca de testemunhos.

    Mara Maravilha defende Dilma Rousseff e manda recado para Feliciano

    Crivella responde críticas de Feliciano:

    Mara Maravilha esteve no Palácio do Planalto com diversas outras cantoras e pastoras para uma visita oficial à presidente Dilma Rousseff. O caso teve diferentes repercussões no meio evangélico. Enquanto Silas Malafaia, por exemplo, comemorou, o deputado Marco Feliciano classificou o encontro de “engodo”. Ele esclareceu em sua conta do Twitter que o problema não era com as convidadas, mas sim contra Dilma Rousseff.
    “Nada contra as cantoras, todavia, as convidadas nada sabem sobre o real motivo de suas visitas, ficar bem na foto com os evangélicos”.
    Durante o programa “A Tarde é Sua” de ontem, na RedeTV!, Mara aproveitou para mandar um recado a Marco Feliciano. A apresentadora Sônia Abraão concordou e Mara declarou que “Como pastor, Marco Feliciano tem de perceber que foi Deus quem permitiu a Dilma ser presidente – porque nada acontece sem sua permissão”. Para a cantora, as duas grandes vítimas da manifestação que tomou as ruas são “o povo e Dilma”.
    Membro da IURD há muitos anos, ela diz não ter envolvimento com a politica, mas seu ex-marido, Alessander Vigna, foi candidato a deputado federal pelo PRB de São Paulo; ela aparecia no programa dele no horário eleitoral.
    A Feliciano ela sugeriu que ele “deveria abençoar Dilma e seu governo”. Posteriormente, em entrevista ao jornal Estado de São Paulo, ela declarou “Estão agindo como se ela fosse a grande causadora dos problemas do Brasil, mas o foco não é a presidente, é o sistema”.
    “Cheguei a ver lágrimas nos olhos dela e a enxerguei como uma pessoa humana e receptiva”, explica Mara que disse ter votado em Marina em 2010 mas que hoje votaria em Dilma. Perguntada se já pensou em se candidatar? Não negou “No momento, estou orando… Mas não descarto a possibilidade.”
    Assista:

    fonte:gospelprime




    Bispa Sônia Hernandes fala sobre o encontro com a Presidente Dilma

    Se tornou um culto, diz Sônia Hernandes sobre reunião com Dilma 

    Se tornou um culto, diz Sônia Hernandes sobre reunião com Dilma

    Pastoras e cantoras passaram algumas horas com a presidente orando, cantando e lendo a Bíblia.
    A líder da Igreja Renascer em Cristo recebeu de Marcelo Crivella o convite para participar desta reunião e entrou em contato com outras mulheres evangélicas convidando-as para participar. Valnice Milhomens, Ana Paula Valadão, Bruna Karla, Mara Maravilha, Ezenete Rodrigues, Fernanda Hernandes, Eyshila, Damares e outras mulheres se reuniram então para conversar com a presidente.
    “Estamos muito felizes por ela [Dilma] ter aberto a agenda para as servas de Deus”, disse Sonia Hernandes. Ao contrário das reuniões que a presidente participou nas últimas semanas, não foram feitos pedidos nem reivindicações.
    “O encontro se tornou um culto”, revelou a bispa da Renascer ao falar que durante as horas que elas estiveram com a presidente houve momentos de louvor, oração, leitura da Bíblia e troca de testemunhos.
    “Podemos senti-la como mulher, sentir o peso que é uma mulher exercendo uma autoridade. Quem é mulher sabe que somos muito mais cobradas do que os homens”.
    “Saímos de lá com o compromisso de continuarmos orando por ela”, disse a líder do grupo Renascer Praise que também revelou que a reunião estava tão boa que o tempo marcado para este encontro foi estendido.
    Sônia está na FIC com o estande da Rede Gospel e do Gospel Bay onde é possível comprar alguns artigos patenteados pelos líderes da Renascer como a Bíblia Apostólica, a Bíblia De Bem Com a Vida, livros e perfumes.
    fonte:gospel prime