segunda-feira, 3 de junho de 2013

Extremistas hindus espancam e ameaçam colocar fogo em pastores evangélicos

Extremistas hindus espancam e ameaçam colocar fogo em pastores evangélicos
Dois pastores cristãos foram espancados por um grupo de cerca de 200 extremistas hindus na aldeia de Korlahalli, perto de Mundargi, na Índia. Os extremistas golpearam e chutaram os pastores Mallik Arjun e Naik, ameaçando incendiá-los tentando os obrigar a adorar divindades hindus.
Depois de espancar o pastor Naik enquanto se ele dirigia para sua casa depois de dirigir um culto cristão em Sugar, o grupo o levou junto com o pastor Mallik Arjun a um templo hindu. Em um momento o pastor ajoelhou- se em um canto do templo e começou a orar.
- Um extremista me puxou a espada, me arrastou e me disse, ‘Você estar orando a Jesus mesmo em um templo hindu’, e em seguida tentou forçar-me a adorar os ídolos hindus. Eu perguntei por que me obrigava a adorar os ídolos e ele disse que ninguém pode me forçar, mas eu tenho o direito e escolher o Deus que quero adorar – relatou o pastor, segundo publicou o Religion Today.
- Eles gritavam uns para os outros e pegando a gasolina queria nos queimar – afirmou ainda o pastor, relatando que os extremistas hindus ameaçaram queima-los por serem cristãos e exigiram que eles deixassem de louvar a Jesus e proclamassem louvores a seus deuses dizendo: “Louvado seja Ram e louvores a Krishna”.
- Eu já lhes disse que não vou deixar Jesus… nunca vou dizer louvado seja Ram nem louvarei a Krishna – teria respondido o pastor Arjun, incitando ainda mais a raiva dos extremistas, que em seguida começaram a espanca-los com chutes e empurrões lhes rasgando suas roupas.
Muito machucados, os líderes cristãos terminaram no hospital, com diversas lesões e hematomas por todo o corpo.
gospel+

Nenhum comentário:

Postar um comentário